Sustainability cmg

Sustentabilidade: Por uma indústria verde

“Protege a terra, e a terra irá proteger te. Destrói a terra, e a terra irá destruir-te.”

Se queremos um futuro sustentável e economicamente viável, é imperativo que as indústrias mudem a sua forma de estar no planeta. Apesar da indústria da cerâmica não ser 100% verde, existem diversas soluções que se podem adotar de forma a tornarmos esta indústria o mais sustentável possível.

É com o compromisso de se tornar uma indústria verde que a CMG CERÂMICAS implementou as seguintes medidas:

Investimento em energias renováveis:

Energia renovável é energia limpa que se obtém através de processos e recursos naturais. Por exemplo, energia solar e eólica. Contrariamente com energias não renováveis (combustíveis fósseis), a energia natural não produz poluentes de ar ou gases de estufa, tendo poucos impactos ambientais.

Em 2018 instalamos 670 painéis fotovoltaicos na fábrica da FIVO. Ao longo de um ano conseguimos reduzir o nosso consumo de carvão em 106,36 t que é equivalente a aproximadamente 15 036 árvores e impedimos 271,08 t de CO2 de entrar na atmosfera.

Planeamos instalar o mesmo número de painéis na fábrica da CMG, porém, ainda estamos a aguardar pela licença.

Gestão de resíduos:

Sempre que os resíduos não são reciclados ou recuperados representam uma perda de matéria-prima e de outros materiais envolvidos em todo o processo. Quando geridos de forma apropriada, os resíduos podem representar um recurso em vez de um problema.

Na CMG reutilizamos todo o material cerâmico possível, desde a argila aos moldes de gesso, porém, o que não é possível reutilizar é entregue a uma empresa certificada em gestão de resíduos.

Matéria-Prima:

Ao reutilizar matérias-primas e reduzir o uso de matéria-prima virgem, minimizamos a quantidade de materiais envolvidos e todos os impactos ambientais associados. Na CMG cerâmicas fazemos a reincorporação interna das aparas e do caco na pasta cerâmica, reduzindo o consumo de matéria-prima virgem; reincorporação dos vidrados através de unidade interna de reciclagem de vidro; reciclamos os moldes de gesso e damos prioridade a fornecedores de argila que repõem os solos depois da extração.

Água:

Apesar de a água ser uma fonte finita, quando bem gerida, a água pode ser renovável e pode ter um papel fundamental em fortalecer os sistemas sociais, económicos e ambientais. Na CMG cerâmicas fazemos o tratamento de toda a água industrial através da ETARI e posterior reuso da água tratada.

Embalagens:

Sempre que possível damos preferência a embalagens de cartão reciclado ou de um outro material de rápida decomposição de forma a reduzir o uso de plástico.

Orgulhamo-nos das mudanças que já implementamos, mas sabemos que ainda temos um longo caminho a percorrer.

Para um conhecimento mais profundo do nosso projeto de sustentabilidade clique aqui.

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Scroll to Top